pesquisar neste blog
posts recentes

#entrega06_beta

#orientacao12

#aula11

#orientação10 e 11

#aula10

#entrega06_pre

#aula09

#entrega05

#extrareuniao

#orientação09

arquivos

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Sábado, 31 de Março de 2012
Especificação Técnica

Tendo terminado a fase da demo técnica, e a amostra dos sistemas e da interacção entre eles,  a Especificação Técnica surge como fase conclusiva para uma definição de todas as questões teóricas , para ser passível de chegar a um objecto de facto na parte da implementação para a prototipagem de alta fidelidade.
Daí que neste momento, o grupo tenha já delineado uma série de documentos para expôr o melhor possível o funcionamento, do nosso sistema.

 

 

 

 

 

Na próxima imagem tem a construção da base de dados do nosso sistema,a estruturação da base de dados ainda pode sofrer pequenas alterações por causa de futuras implementações, da base de dados em java.

 

 

Por fim para demonstrar como é que a aplicação vai estar estruturada, criámos um mapa de navegação que demonstra como é que o utilizador vai interagir ao longo da aplicação.

 



publicado por daniel-val às 00:01

Sexta-feira, 30 de Março de 2012
#entrega04

Entrega TP#04 | Especificação técnica e gráfica

Especificação Gráfica

 

Especificações tipográficas

 


A escolha da fonte foi um processo simples. Uma vez que a nossa aplicação é para android e estamos a procurar seguir as boas práticas para desenvolver nessa plataforma, optámos pela fonte oficial. Trata-se de uma fonte desenhada para aparelhos de alta resolução. É uma fonte de natureza dupla. Ao mesmo tempo que é mecânica apresenta também curvas abertas e amigáveis. Não compromete, ao não distorcer as letras, permitindo uma leitura mais agradável.

 

Especificações cromáticas


A nossa palete de cores assenta muito no azul e cinzento. A nossa escolha baseou-se nas cores principais do UI do Ice Cream Sandwich (android 4.0)

 

 

Biblioteca de ícones

 

A iconografia que será usada na aplicação procura ir de encontro ao novo UI do ice cream sandwich. O objetivo é que o utilizador se sinta confortável na navegação da aplicação encontrando familiaridades com o SO que já utiliza.

Os ícones sofrem uma mudança de estado consoantes estejam selecionados, indisponíveis ou pressionados.

Aqui estão alguns exemplos:

 

 

Logótipo

Apresentamos primeiro alguns rascunhos em papel que depois deu origem à versão final.

Queríamos que o logótipo estive ligado ao nome do projeto (myTrek) e como tal queríamos que tivesse alguma representação visual que remetesse a algo relacionado com percurso, trajeto, viagem. Depois de algumas ideias, gostamos mais da versão escolhida por representar vários trajetos possíveis ou mesmo talvez já percorridos, como se tratasse de linhas de metro, cada uma com o seu destino.

A escolha das cores variadas serve para diferenciar os trajetos ao mesmo tempo que são cores quentes que transmitem sensações boas e positivas procurando despertar o sentido aventureiro.

Aqui podemos ver o estudo do logótipo com as reduções de escala e a área de protecção do logótipo, assim como a sua versão monocromática.

 

Estudo da grelha (goteiras, baseline grid, micro e macro base units)

Para a construção da grelha dividiu-se o ecrã em 3 grandes colunas (com 103 px cada), 2 goteiras (de 4px) e uma margem de 2px, ou seja, 1px à esquerda e outro à direita. Isto resulta numa área útil de 320px (horizontal).

 

Conclusões

Esta fase serviu para fechar um capítulo. Ficaram definidas especificações que irão servir de prevenção ao erro e facilitar a fase seguinte que é a programação, o desenvolvimento da aplicação em si, o “meter as mãos na massa”.

 

 


tags:

publicado por daniel-val às 23:35

Terça-feira, 27 de Março de 2012
#aula06

 Neste sexta aula , foi-nos explicado o que era necessário para a entrega das especificações técnicas , o grupo já estava orientado em relação as especificações gráficas como foi referido no post anterior, em relação ás especificações técnicas, foi necessário uma explicação para uma melhor compreensão do que era pedido, por parte do Professor Benjamin e do Professor Hélder Caixinha.

Foi-nos sugerido que o nosso projecto fosse melhor estruturado a nível das ideias, porque do ponto de vista dos professores ainda existia alguma divagação em torno do cerne da verdadeira questão, O que faço aqui.

Assim sendo o grupo elaborou um novo storyboard que irá ser apresentado nos próximos dias, visto que algumas dos requisitos funcionais foram alterados ao longo do tempo, e a plataforma que visava a Web, passou a ser orientada para a plataforma Android.

 



publicado por daniel-val às 11:08

#orientação05

 Não houve reunião de orientação , como foi acordado previamente devido a uma incompatibilidade , porém a ficha semanal foi enviada com a informação do trabalho feito e que seria realizado no decorrer desta semana.



publicado por daniel-val às 11:07

Segunda-feira, 26 de Março de 2012
#aula05

Nesta aula foram discutidas as questões gráficas, para a especificação gráfica, de modo a que houvesse uam coerência melhor a nível do posicionamento,  segundo foi sugerido pelo Professor Pedro Amado e pelo Professor Ivo , estes deviam estar alinhados de acordo um padrão.

Foi também importante , para começar a desenhar o logo , colocar em experiência na nossa aplicação e perceber se este se enquadra no pretendido.

As restantes questões já estavam definidas previamente, daí que as alterações feitas não foram de grau muito elevado.

 

*P.S. este post foi apagado aquando da estruturação do blog e colocado novamente



publicado por daniel-val às 20:05

Sexta-feira, 23 de Março de 2012
#orientação04

 Nesta reunião discutimos a alteração no desenvolvimento do projeto no que toca à plataforma. Decidimos focar-nos mais na aplicação android em detrimento do website, uma vez que faz mais sentido para o projeto e porque o grupo prefere focar-se em android visto que sempre foi esse o desejo.

De seguida voltámos a discutir os conteúdos do projeto. Com a entrega #03 iminente descartámos os conteúdos da aplicação um pouco, mas sabemos que o projeto sem esses conteúdos não ganha forma e iremos trabalhar nesse sentido esta semana. Tivemos uma troca de ideias interessante com o professor Vania e comprometemo-nos a mostrar um leque de palavras-chave, categorias e sub-categorias que servirão para catalogar melhor os eventos.

Para esta semana que vem os nossos objetivos são:



publicado por daniel-val às 00:17

Sexta-feira, 16 de Março de 2012
#entrega03

 Nesta terceira entrega pretendia-se a criação de uma demo gráfica, cujo fundamento consiste em demonstrar o conceito do projeto apresentando algumas funcionalidades. Pretendia-se também a criação de uma demo técnica cujo objetivo é demonstrar a viabilidade das tecnologias estudadas.

 

Demo gráfica

A nossa demo gráfica foi construída em adobe fireworks usando stencils do android 4.0. Trata-se de uma demo graficamente matura não devendo alterar muito em termos visuais. Contudo mudanças estão previstas e irão ocorrer com certeza. Elaborámos um pequeno vídeo a demonstrar a navegação nos ecrãs da aplicação ao mesmo tempo que descreve os passos tomados pelo utilizador.

 

Link demo gráfica:

demo_grafica.swf

 

 

Demo técnica

A demo técnica apesar de algo incompleta, serviu para colocar em destaque os principais pontos de desenvolvimento futuros,  para a elaboração do screen recorder utilizámos , o programa de android , screencast e para edição o Adobe Premiére CS5.5.  Faltaram colocar em destaque alguns pontos , algo que iremos corrigir ao longo do projecto e com as consecutivas entregas do mesmo.

Link demo técnica:

http://www.youtube.com/watch?v=br0NFwHP4G8&feature=youtu.be

 

 

Conclusões

Ao elaborar a demo técnica e gráfica verificámos que iremos ter algumas dificuldades em programar para android uma vez que o grupo não tem qualquer tipo de formação ou experiência. Contudo, a vontade de desenvolver para esta plataforma é grande e decerto conseguiremos ultrapassar as barreiras. Quanto às demos, foram de grande importância. A demo gráfica constituiu um desafio visto que não tínhamos definido o layout da aplicação.

 


publicado por daniel-val às 23:29

Segunda-feira, 12 de Março de 2012
#aula04

 Uma aula bastante importante que nos permitiu resolver um dilema que tínhamos. A escolha entre focar na plataforma web 2.0 em detrimento de android não nos agradava uma vez que a nossa motivação prende-se com o desenvolvimento de uma aplicação android. Assim e com a ajuda dos professores, conseguimos ganhar novo fôlego e ideias. Teremos que as discutir com os nossos orientadores e atualizar alguns documentos, mas estamos entusiasmados. Em breve teremos mais notícias. 



publicado por daniel-val às 23:15

Sábado, 10 de Março de 2012
#orientação03

 A reunião do dia 09-03-2012 com o Orientador Vania Baldi, foi bastante produtiva ao nível tanto de pontos que faltavam definir,  como de pontos já definidos que se tornaram passíveis de serem alterados pelo grupo.

Começando pela questão do uso dos mapas, sendo este um dos pontos fulcrais do nosso projecto, foi-nos sugerido que tivéssemos a apresentação no mapa não pelo tradicionais pontos , mas sim por tipos de evento ou seja uma subdivisão por temas, por exemplo de carácter histórico, lazer , etc. Depois esses mesmos pontos, apresentados com cores e símbolos.
Na criação de pontos de referencia, colocar um mapa de tag’s como que é apresentado, em sites como o destakes.com, em que podemos ter acesso a uma série de noticias só com base neste mapa de tags, serve para obter a descrição de um local de uma maneira rápida apenas com uso de pouco palavras.
Após a visualização de sites como o Dipity que já havia sido referido, pelo Professor Pedro Amado, o Orientador recomendou que tivéssemos com base a estrutura destes sites mas que a informação fosse apresentada de uma forma mais simples mas ao mesmo tempo, com possibilidade de detalhar ou seja , por exemplo o mapa e a georreferenciação aparecerem ao clicar num link.
O sistema de avaliação o grupo pensou após a reunião, e as sugestões do professor em aplicar , um sistema de prós e contras de modo a que a informação não se apresente apenas por um feedback estático de estrelas , ou pontuação.
Por fim, o Orientador sugeriu de novo a ideia dos inquéritos para entender o que realmente é necessário, ter na plataforma para preencher, ou seja saber como é a experiência dos Erasmus e se ele tivessem de descrever um local como o fariam e o que descreveriam.



publicado por daniel-val às 19:15

Terça-feira, 6 de Março de 2012
#aula03

A aula 3 serviu para começar a clarificar ideias, sobre quais os métodos a utilizar para fazer uma prototipagem de baixa fidelidade , com o apoio dos professores Pedro Amado e Ivo Fonseca conseguimos identificar, quais os factores mais importantes para colocar em primeiro plano , e quais os secundários de modo a que ao criarmos , um protótipo de baixa fidelidade este não só transmita a informação pretendida , como o que nos propusemos não fique aquém do expectável.

De acordo com as plataformas apresentadas no estado da arte, criámos um "esboço" daquilo que achámos ser o mais aproximado da nossa ideia, e daquilo que já é considerado por defeito nas plataformas, a imagem seguinte tenta retratar isso mesmo primeiro , o sistema de página principal, a segunda o sistema de perfil, e por fim o sistema de criação de timelines.

A imagem seguinte representa a composição de uma timeline.


 



publicado por daniel-val às 00:23

mais sobre mim
Junho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


tags

todas as tags

subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários